Últimas Notícias

Corro Por Elas é realizado em São Paulo

Neste sábado, 26, foi realizada a 6ª edição do Corro Por Elas, no Jardim Botânico, em São Paulo.

O evento tem como finalidade proporcionar um momento de bem-estar, qualidade de vida e saúde, por meio da prática de atividade física, além de promover um ambiente descontraído, de lazer e diversão para todos os presentes.

Neste ano, mais de 300 pessoas estiveram no local, sendo elas, colaboradores da Whirlpool e seus familiares e amigos.

A Senior Director de RH da Whirlpool, Andrea Clemente, realizou a abertura do evento, agradecendo a presença de todos e citando os motivos pelos quais o Corro Por Elas é uma iniciativa tão relevante para a Companhia e para o Consulado da Mulher.

Andrea Clemente fazendo a abertura do evento. Foto: Marivaldo Oliveira e Uriel Punk / Divulgação

Na ocasião, os participantes optaram entre a corrida (4,5 km) ou a caminhada (2,5 km) e conheceram um pouco dos benefícios desta prática, que são: prevenção à obesidade e ajuda na perda de peso, melhora da ansiedade e estresse, prevenção de complicações cardiovasculares, como infartos e hipertensão e melhora do humor, da saúde e do bem-estar físico e emocional.

As crianças também puderam vivenciar a mesma experiência que os adultos e receberam camisetas, pulseiras de numeração e tiveram uma largada exclusiva, além de poderem se divertir e brincar no Espaço Kids.

Largada das crianças. Foto: Marivaldo Oliveira e Uriel Punk / Divulgação

Espaço Kids. Foto: Marivaldo Oliveira e Uriel Punk / Divulgação

Após a atividade, receberam lanche e participaram do sorteio de brindes. Foram mais de 70 itens sorteados, entre eles bicicletas e micro-ondas, purificadores e utensílios da marca Consul.

Criança ganhando uma bicicleta. Foto: Marivaldo Oliveira e Uriel Punk / Divulgação

Toda a apresentação do evento foi comandada pelo mestre de cerimônias Warley Santana. Warley é ator, humorista, ventríloquo, ex-repórter do CQC e atual apresentador do gameshow “Tá Certo?”, programa exibido na TV Cultura. Junto a ele, estava Seu Antenor, boneco utilizado em suas apresentações como ventríloquo, que fez muito entre os presentes.

Warley Santana e Seu Antenor. Foto: Marivaldo Oliveira e Uriel Punk / Divulgação

Como diferenciais desta edição, as pessoas puderam conhecer um pouco mais do trabalho da Carla Carvalho, empreendedora assessorada do Consulado da Mulher e dona do empreendimento Carla Honey, que participou com um lindo carrinho, comercializando seus produtos. E também foi montado um estúdio de fotos registrar os grupos de amigos e familiares, promovido pela Mercimodels.

Carla Carvalho (à direita) e sua filha (à esquerda) com o carrinho da Carla Honey. Foto: Marivaldo Oliveira e Uriel Punk / Divulgação

Gostaríamos de agradecer a todos os apoiadores e patrocinadores do evento:
Whirlpool, Gestão de Saúde, Corro por Elas, Amil, MBS, Sapore, Agilit, Prodergo, Consul e Mercimodels. Sem vocês este evento não teria sido este sucesso todo!

Também gostaríamos de fazer um agradecimento especial às colaboradoras da Whirlpool que atuaram como voluntárias: Lucilene Georgeto, Claudia Silva, Rayssa Silva, Jessica Oliveira, Juliana Pereira, Maria Moura e Luciane Santos. Vocês foram incríveis e hoje, no Dia Nacional do Voluntariado, nada mais justo do que reconhecer a atitude e a vontade de fazer a diferença. Parabéns!!

Voluntárias reunidas no evento. Foto: Marivaldo Oliveira e Uriel Punk / Divulgação

Por fim, agradecemos a presença de todos e vale ressaltar que a renda arrecadada com as inscrições no valor de R$4.285,00 será revertida para apoiar mais mulheres por meio do Consulado da Mulher.

Parte das pessoas presentes reunidas. Foto: Marivaldo Oliveira e Uriel Punk / Divulgação

Confira todas as fotos do evento aqui.

Conheça os vencedores do Prêmio Consulado da Mulher 2017

Na 5ª edição do Prêmio Consulado da Mulher de Empreendedorismo Feminino, temos muito orgulho de reconhecer e apoiar mais 10 empreendimentos femininos espalhados pelo Brasil.

Mulheres que, apesar de enfrentarem diversas dificuldades – sejam elas econômicas, sociais, entre outras – encontram no empreendedorismo e na culinária uma alternativa para gerarem renda e, consequentemente, desenvolverem a comunidade em que estão inseridas. Acreditam que, por meio de suas produções, são capazes de proporcionar novas oportunidades e novos horizontes para suas famílias e para as que estão ao em torno. E de fato são.

É com este olhar e em comemoração aos seus 15 anos de existência que o Consulado tem a honra de anunciar os 10 (dez) empreendimentos vencedores do Prêmio Consulado da Mulher 2017:

EMPREENDIMENTO CIDADE ESTADO
Cooperativa Vida Saudável Canoa RS
Empório de Chaya Paracambi RJ
Mariquilombo Maragogipe BA
Filhas da Terra Igarapé Mirim PA
Mulheres Sonhadoras Santa Luz BA
Grupo Prosperar Retirolandia BA
Rede Mulheres de Gastronomia Apucarana PR
Sonho Meu Porto Acre AC
TECSOL Palmares PE
Sabores do Morro Catas Altas MG

Gostaríamos de parabenizar os coletivos selecionados e desejar que com o nosso apoio, possam desenvolver ainda mais a produção local e continuar acreditando em um amanhã melhor para todos. Além disso, é de extrema importância agradecer a todos os empreendimentos que confiaram em nossa atuação e se inscreveram, e dizer que vocês são a razão de continuarmos acreditando em quem acredita.

Lembrando que os projetos selecionados receberão assessoria do Consulado da Mulher durante dois anos – que inclui apoio na gestão do negócio e capacitações técnicas -, eletrodomésticos da marca Consul e R$10 mil para investimento em infraestrutura.

Deseja conhecer um pouco mais sobre os empreendimentos vencedores? Clique aqui.

#reconhecendoeapoiandomulheres #premioconsuladodamulher

Restaurante Fio de Azeite completa 1 ano

Márcia Cristina Magalhães Monteiro foi adotada por Antonio Seabra Monteiro e Genoveva Magalhães Monteiro na cidade onde nasceu, Belém do Pará. Ele trabalhava em uma empresa de aviação e ela era dona de casa, e já tinham mais de 50 anos e três filhos bem mais velhos do que a menina, nascida em 2 de setembro de 1964.

Márcia se mudou para São Paulo para fugir da superproteção da mãe, trabalhou, fez faculdade e descobriu que seu talento é cozinhar. Mais ainda, descobriu que a alimentação orgânica/saudável é sua missão.

Em 2013, iniciou assessoria com o Consulado da Mulher pelo grupo Cia das Mulheres, de São Bernardo do Campo (SP). Durante o período, o empreendimento acabou se desfazendo e ela passou a integrar o Parada das Delícias, grupo que gerenciava a Oficina do Sabor (lanchonete localizada na Unidade São Paulo da Whirlpool).

Nesta época, se desenvolveu e conseguiu enxergar com mais clareza seus objetivos. “O Fio de Azeite era um sonho, com a ajuda do Consulado consegui desenvolver um lado que até então era desconhecido. Pude aprender muito e receber apoio dos educadores. O conselho que dou é para que todas as empreendedoras assessoradas aproveitem todas as chances que lhe são dadas. Comecei do zero e fui aprendendo cada dia mais”, afirma Márcia.

Depois de um ano e meio na Oficina, decidiu deixar o grupo para realizar seu maior sonho: abrir um negócio próprio.

Após muito planejamento, em 8 de julho de 2016, junto à sua amiga, parceira e sócia, Cintia Antunes, Márcia inaugurou o Fio de Azeite, um charmoso restaurante localizado no Cambuci, em São Paulo.


Marcia na entrada de seu Restaurante, em São Paulo

De lá para cá, consolidou o local e passou a ter grande visibilidade na região e até na imprensa, sendo reconhecida pela Revista & Guia.

Matéria sobre o Fio de Azeite, na Revista & Guia

Mas mais do que isso, Márcia tem os clientes como seus principais embaixadores:

“Além das refeições serem deliciosas, o lugar é muito aconchegante, de pessoas receptivas e muito educadas! Sem dúvidas é um diferencial no bairro do Cambuci! Parabéns!!” Alessandra Fernandes

“Não é pra todo mundo. É pra você. Excelente! Ambiente leve e atendimento sensacional.” Pedro Niccolini

“Lugar altamente recomendado! para quem gosta de local para comer aconchegante, sem muvucas, atendimento e cardápio de primeira linha.” Hallan Soares

Além disso tudo, Márcia sempre prezou pela diversidade. Dentro de sua equipe, tem a Melanda, auxiliar de cozinha e refugiada do Haiti; o Vinícius e o Bruno, dois aprendizes em suas primeiras experiências profissionais; a Lelinha, que é analfabeta e com o apoio e incentivo da Márcia, está em fase de aprendizagem, e a Yole, que trabalhava em um pequeno supermercado, estava há muito tempo sem receber seu salário e foi reconhecida por ela; além de outros grandes profissionais.

Marcia Monteiro e Melanda, refugiada do Haiti

“O Fio de Azeite é a tangibilização da dedicação, persistência e vontade da Márcia somado ao nosso apoio. Temos muito orgulho do Fio de Azeite, da Márcia e de todas as mulheres que fazem parte da nossa história. Desejamos que outras empreendedoras se inspirem nessa trajetória e nunca desistam dos seus sonhos, porque nós acreditamos em quem acredita”, afirma Leda Bogër, diretora executiva do Instituto Consulado da Mulher.

Marcia e sua sócia Cintia

Sobre os próximos anos, Márcia deseja se tornar referência no mercado gastronômico e excelência em restaurantes. Além disso, deseja investir em sua própria equipe. “Estou rodeada de profissionais supercapazes e esforçados e, sem eles, não teria realizado nada disso”, afirma ela.

Marcia, o Consulado da Mulher deseja muito sucesso e que seu empreendimento cresça cada dia mais! Temos muito orgulho de todas as suas conquistas!


E para comemorar esta data tão especial em grande estilo, o Fio de Azeite oferece uma sobremesa
(à escolha) para todos os clientes que consumirem no espaço (almoço ou jantar), durante o mês de julho,
e levarem um print deste código:
1ANODOFIO


Visite a página no Facebook: www.facebook.com.br/fiodeazeitebistrocafe

Não deixe de conhecer o espaço e se deliciar com pratos incríveis:
Restaurante Fio de Azeite – (11) 3207-9844
Rua Climaco Barbosa, 441 – São Paulo (SP)

#reconhecendoeapoiandomulheres

Consulado da Mulher, Whirlpool e Projeto Giulia realizam evento

Ontem (29), foi realizado um evento para divulgar o aplicativo Giulia e a parceria do Consulado da Mulher e da Whirlpool com o projeto, na Brastemp Experience.

O Giulia é uma tecnologia brasileira desenvolvida para auxiliar o dia a dia das pessoas com deficiência auditiva. Esta tecnologia consiste em um aplicativo que transforma os sinais de libra em áudio e vice-versa.

O Prof. Dr. Sc. Manuel Cardoso, CEO da MapInnovation e idealizador do projeto, em uma visita à Boston, nos Estados Unidos, em 2014, conheceu uma pulseira com sensores que permitiam captar os sinais dos músculos do braço e da mão, com o posicionamento físico do mesmo. Naquele momento, ele vislumbrou a possibilidade do uso da pulseira como parte de uma tecnologia que auxiliasse na comunicação dos surdos por meio da língua de sinais.

Depois de muitos estudos, em 2015, nasce a primeira versão do Giulia – o projeto leva este nome, pois anos antes, o professor Manuel conheceu uma garota que tinha paralisia cerebral e conseguiu se comunicar com os pais por meio de um mouse ocular desenvolvido por ele, anos depois e ao conhecer a nova tecnologia acharam mais do que justo o projeto levar o nome dela – baseado na pulseira e no uso de um aplicativo embarcado no smartphone. No ano seguinte, foram feitas as primeiras 100 unidades e distribuídas para testes com pessoas com deficiência auditiva.

Diante deste incrível projeto, a Whirlpool e o Consulado da Mulher viram uma oportunidade de parceria.

Na ocasião, o Armando E Valle Jr., vice presidente da Whirlpool Latin America, ficou responsável pela abertura do evento e falou um pouco sobre as ações realizadas pela Companhia para promover a diversidade e a inclusão.

“No ano passado, demos mais um passo importante para a inclusão das pessoas com deficiência auditiva, em parceria com o professor Manuel Cardoso e a Map. Somente na Whirlpool, possuímos um público de 156 colaboradores e as dificuldades enfrentadas por essas pessoas vão muito além do que às vezes conseguimos imaginar. Por meio desta parceria, acredito que solucionaremos boa parte destas dificuldades”, afirmou o VP.

Ainda segundo ele, “temos muito orgulho em apoiar uma iniciativa tão inovadora e tão importante. Nossa vontade é disseminar esta ideia e levá-la ao máximo de pessoas possível, queremos que o Giulia faça parte do dia a dia de estudantes e trabalhadores e vamos fazer de tudo para que isso aconteça.”.

Atualmente, a Vanderlane Menezes Gomes, 29, colaboradora da Whirlpool da Unidade de Manaus (AM) e pessoa com deficiência auditiva, está realizando testes com a nova tecnologia para aprimorá-la ao seu ambiente de trabalho.

No evento, Vanderlane se comunicou por meio do aplicativo com frases como: “Meu nome é Vanderlane. O Giulia ajuda na comunicação dos surdos com os ouvintes. O Giulia ajuda na comunicação com colegas no trabalho. O Giulia ajuda a entender português. Com o Giulia o surdo pode chamar ambulância e polícia. Com o Giulia a mãe surda ouve o filho.”.

Já com o Consulado, o Giulia permitirá a criação de workshops e cursos para surdos que queiram empreender. Os grupos serão formados em parceria com a GH Libras – Consultoria em Acessibilidade, bem como instituições voltadas a este público, e tratará de assuntos relacionados ao empreendedorismo.


Glaucia Menezes, consultora da GH Libras – Consultoria em Acessibilidade e Manuel Cardoso, idealizador do Projeto Giulia e CEO da MapInnovation na Brastemp Experience

Na ocasião, Leda Böger, diretora executiva do Consulado da Mulher, dissertou sobre a missão do Instituto e de que maneira esta parceira move o ponteiro da inclusão.

“Hoje, o Consulado dá mais um passo para garantir a inclusão social e a geração de renda por meio do empreendedorismo. A expectativa é que possamos transformar cursos básicos em avançados e apoiar cada vez mais empreendedores com deficiência auditiva”, afirma a diretora.

Após a apresentação, as empreendedoras Marcia Monteiro, do Fio de Azeite, e a Carla Carvalho, do Carla Honey, ficaram responsáveis por todos os alimentos servidos aos jornalistas e convidados presentes.

Marcia Monteiro, do Fio de Azeite, preparando o cardápio do evento


Carla, empreendedora assessorada e Larissa, sua filha, com o carrinho do Carla Honey, no evento.

Para conhecer mais sobre o Projeto Giulia, clique aqui.

Voluntárias realizam treinamento com empreendedoras

Nesta segunda-feira, 12, as voluntárias Relbe Rezende e Sylvia Mazza, Supervisoras de Vendas da Whirlpool, realizaram um treinamento para 17 (dezessete) mulheres, na Unidade das Nações Unidas, em São Paulo (SP).

Na ocasião, as empreendedoras puderam contar um pouco sobre seus negócios, o que produzem/comercializam e as dificuldades encontradas no dia a dia.

De uma maneira lúdica e explicativa, Relbe e Sylvia falaram sobre a importância de conhecer bem o cliente, comunicação frente a frente, principais erros no momento da venda, maneiras de conseguir abertura com potenciais consumidores do produto, entre outros temas.


Empreendedoras assistindo à apresentação das voluntárias | Foto: Consulado da Mulher / Divulgação

Além disso, as próprias empreendedoras puderam trocar experiências e conhecimentos em relação à comercialização de seus produtos e como superaram algumas dificuldades encontradas no início.


Empreendedoras trocando conhecimento | Foto: Consulado da Mulher / Divulgação

“Gostei muito do treinamento. Foi um super aprendizado, pois é um tema que ainda não tínhamos tido contato. A parte dos 5 erros que não podemos cometer no processo de venda foi maravilhosa. Achei demais!”, afirma a empreendedora Ilma Mendes de Oliveira.

Já segundo a Carla de Carvalho Silva, do empreendimento Carla Honey, “Adorei esta oficina. Aprender coisas novas sempre nos incentiva a continuar. Percebi que acabo pecando nos pequenos detalhes e agora, com certeza, farei diferente. Terei muito mais cuidado com meus clientes e estarei cada vez mais próxima deles para entender o que realmente precisam.”.


Empreendedoras e voluntárias reunidas após treinamento | Foto: Consulado da Mulher / Divulgação

Com este treinamento, o Consulado deseja que as empreendedoras tenham absorvido todos os aprendizados e que possam ampliar suas perspectivas, transformando mais sonhos em realidade.

 

 

Whirlpool divulga Relatório de Sustentabilidade 2015/2016

A Whirlpool Latin America, dona das marcas Brastemp, Consul e KitchenAid e líder do mercado latino-americano de eletrodomésticos, apresentou na última quarta-feira, 7, o Relatório de Sustentabilidade relativo a 2015/2016.

No período, foram investidos R$18,1 milhões em gestão ambiental, reafirmando o compromisso da companhia com a liderança sustentável. O Relatório de Sustentabilidade da Whirlpool é auditado pela KPMG e segue as diretrizes do GRI (Global Reporting Initiative), órgão que regulariza as boas práticas de sustentabilidade seguindo as orientações dos ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável), determinados pela ONU (Organização das Nações Unidas), dos quais empresas no mundo todo são signatárias.

“Sustentabilidade faz parte da estratégia da Whirlpool desde o início da sua história. O tema permeia a gestão do negócio com maturidade, sendo fundamental para o alcance de bons resultados”, afirma Armando Ennes do Valle Jr., vice-presidente da Whirlpool.

Para realizar o lançamento deste relatório, a Companhia reuniu na Brastemp Experience – espaço que conta com as linhas mais icônicas da marca e destinado a oferecer experiências diferenciadas ao consumidor – jornalistas, blogueiros e formadores de opinião de diversos veículos do Brasil para uma apresentação dos resultados.

Vanderlei Niehues, diretor de Sustentabilidade, Saúde, Segurança e Meio Ambiente e Assuntos Regulatórios apresenta iniciativas da Companhia | Foto: Sérgio Zacchi / Divulgação

Além de dados sobre captação da água pluvial, zero resíduos enviados para aterro, reciclagem e reúso de matéria-prima, foram apresentados os impactos gerados também na área social por meio do Instituto Consulado da Mulher. A ação criada em 2002 já beneficiou mais de 34 mil empreendedoras individuais, de 21 estados brasileiros. O Instituto apoiou mais de 200 empreendimentos populares por meio de assessorias gratuitas, principalmente na área de alimentação, nos dois últimos anos.

Leda Böger apresenta impacto gerado na área social por meio das ações do Instituto Consulado da Mulher | Foto: Sérgio Zacchi / Divulgação

“Quando o Consulado surgiu, pouco se falava no empoderamento feminino, da inclusão da mulher e da equidade de gênero. Essa conversa começou a vir depois, então, foi uma visão inovadora da empresa no sentido de incluir a mulher como um elemento importante no desenvolvimento econômico e social. Você não pode pensar em desenvolvimento social pleno se não considerar também a participação da mulher na economia”, afirma Leda Böger, diretora executiva do Consulado da Mulher.

Ainda na ocasião, a empreendedora e chef Marcia Monteiro, do restaurante Fio de Azeite e ex assessorada do Consulado, ficou responsável por todo o cardápio oferecido. Ele contou com coquetel de entrada, prato principal, sobremesa e bebida. Todos os convidados puderam saborear as delícias preparadas por ela.


Chef Marcia Monteiro no momento da preparação dos pratos | Foto: Consulado da Mulher / Divulgação

Para ter acesso a este e outros resultados, clique aqui e acesse o Relatório na íntegra.
#sustentabilidadewhirlpool #reconhecendoeapoiandomulheres

Consulado da Mulher é destaque em publicação da ONU Mulheres

A Whirlpool Latin America e o Consulado da Mulher foram citados pela ONU Mulheres, no manual Corporate Guide Gender-Responsive Procurement, por terem boas práticas, como as Oficinas do Sabor, que mantemos em todas as nossas Unidades, inclusive na Embraco.

O guia reforça a importância das atividades de procurement na conquista dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), fornecendo às corporações e seus fornecedores uma compreensão mais profunda sobre as barreiras e desafios que impedem as mulheres de participarem plenamente das cadeias de valor locais e globais, de maneira a atuar nos Signatários dos Princípios de Empoderamento da Mulher, especialmente o Princípio 5: apoiar o empreendedorismo de mulheres e promover políticas de empoderamento das mulheres por meio das cadeias de suprimentos e marketing.

Além disso, o guia fornece ferramentas e técnicas para reduzir ou eliminar essas barreiras e desafios para alavancar o grande potencial econômico inexplorado, representado pelas mulheres como fornecedoras.

Desde 2002, trabalhamos a capacitação de mulheres empreendedoras que vivem em comunidades com vulnerabilidade social.

Em 2007, incluímos essas mulheres na nossa lista de fornecedores e, até hoje, elas trabalham nas Oficinas do Sabor em nossas Unidades com assessoria direta de nossos educadores sociais. Esta iniciativa inovadora gerou resultados positivos, tanto para a Companhia como para as mulheres empreendedoras:

  • Aproximadamente 110 mulheres já foram beneficiadas;
  • Em 2016, havia mais de dez mulheres, proprietárias de microempresas, fornecendo para a Whirlpool;
  • Os lanches, sozinhos, geraram receita bruta de 1 milhão de reais, entre janeiro e outubro de 2016;
  • Duas outras empresas em São Paulo, decidiram incluir essas Mulheres empreendedoras em suas cadeias de suprimentos, uma no ramo de seguros e outra no ramo médico.

São muitas razões para acreditar e para continuar transformando sonhos em realidade.

#consuladodamulher #reconhecendoeapoiandomulheres 

Conheça os pré-aprovados do Prêmio Consulado da Mulher 2017

A 5° edição do Prêmio Consulado da Mulher 2017 foi lançada em 8 de março (Dia Internacional da Mulher) e as inscrições encerradas em 30  de abril. Durante este período, foram aproximadamente 100 projetos recebidos de 22 estados do Brasil.

Na última semana, nossa equipe técnica  esteve reunida para realizar a avaliação de todas as inscrições recebidas, e que se enquadram nos pré-requisitos (disponíveis aqui). Desta avaliação, 17 projetos foram pré-aprovados!

As visitas técnicas aos empreendimentos começam na próxima semana. Destes pré-selecionados,  10 (dez) grupos serão premiados e receberão assessoria em gestão, eletrodomésticos da marca Consul e 10 (dez) mil reais para investir na infraestrutura do negócio.

Nesta edição recebemos inscrições de alguns Estados que participam pela primeira vez, entre eles o Acre e o Tocantins. Nestes 15 anos de Consulado, sentimos muito orgulho em apoiar empreendimentos dos lugares mais remotos. É a força da marca Consul chegando onde ninguém mais chega e  apoiando mulheres empreendedoras de todo o Brasil, afirma Leda Böger, diretora executiva do Consulado da Mulher.

Empreendedoras do Restaurante Sumimi, de Manaus, um dos vencedores do Prêmio Consulado da Mulher de 2016 / Direitos autorais: www.brunofujii.com

Confira abaixo os empreendimentos selecionados para a segunda fase do Prêmio:

Qual a diferença entre o Prêmio Consulado da Mulher e as Inscrições para empreendedoras?

O Consulado da Mulher possui duas frentes de atuação: a seleção de empreendedoras e o Prêmio Consulado da Mulher, mas você deve estar se perguntando “Qual a diferença entre os dois? Em qual devo me inscrever?”.

A Seleção de Empreendedoras é para:

  • Mulheres maiores de 18 anos que cozinham (doces, salgados etc) e vendem ou já venderam para fora. Além disso, devem residir  no Distrito de Vila Prudente (SP), Distrito de São Miguel Paulista (SP), Rio Claro (SP), Joinville (SC) ou Manaus (AM).
  • A renda máxima de até 1 (um) salário mínimo, por pessoa da família.

Inscreva-se aqui: www.consuladodamulher.org.br/inscricoes

Já para o Prêmio Consulado da Mulher, os critérios são:

  • Ser um empreendimento coletivo com, pelo menos, 70% de mulheres na composição do grupo e possuir liderança feminina.
  • O grupo deve possuir mínimo de 1 (um) ano de existência, infraestrutura própria, perspectiva de crescimento e de formalização.
  • Pelo menos 70% do grupo com renda máxima de até 1 (um) salário mínimo, por pessoa da família.
  • Ser inscritos por uma entidade inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) sem fins lucrativos que atue junto ao grupo.

Inscreva-se aqui: www.consuladodamulher.org.br/premio2017

Veja em qual se enquadra e mande sua ficha de inscrição. Lembre-se que prazo para os dois processos é 31/03. Em caso de dúvidas, envie um e-mail para comunicacao@consuladodamulher.org.br.

Compartilhe em suas redes socias! 😉

#consuladodamulher #premioconsuladodamulher #reconhecendoeapoiandomulheres

Desafio acadêmico dará R$10 mil à foto que melhor representar a luta das mulheres pelo empoderamento feminino

Todos os dias milhões de mulheres travam uma verdadeira batalha em busca da equidade e da igualdade de gêneros, visando conceder ao público feminino, o poder de participação social, política, econômica, bem como em todas as demais esferas que compõem a vida em sociedade.

Em prol dessa causa, a startup Mucca está lançando o PhotoChallenge, um desafio acadêmico, de cunho artístico, que premiará com R$10 mil a fotografia que melhor representar a luta pelo Empoderamento Feminino.

As fotos enviadas serão avaliadas e julgadas por uma comissão interdisciplinar composta por fotógrafos, jornalistas e estudiosos da área, levando em consideração critérios como originalidade, criatividade e adaptação ao tema.

SOBRE A PREMIAÇÃO
O concurso dará $10 mil à fotografia que melhor representar o tema do Empoderamento Feminino. Sendo R$5 mil para o autor(a) da foto e R$5 mil doados a uma das ONGs defensoras da causa, conforme a escolha do(a) vencedor(a).

INSCRIÇÕES
As inscrições para o PhotoChallenge 2017 vão de 01/03/2017 a 31/06/2017 e devem ser feitas exclusivamente pela internet, na página oficial do concurso. Para mais informações, clique aqui e consulte o regulamento.